PT lança manifesto em defesa dos réus do mensalão e pede julgamento do PSDB

Quarta-feira 14, novembro 2012

  A Executiva Nacional do PT vai divulgar nesta quarta-feira, 14, em São Paulo, um manifesto em solidariedade aos réus do mensalão, condenando o que chama de “politização” do julgamento pelo Supremo Tribunal Federal (STF). O documento afirma que houve forte pressão da mídia para influenciar o veredicto, questiona a “coincidência” do julgamento com o calendário eleitoral e vê interpretação equivocada da “teoria do domínio do fato”, que dispensa atos de ofício como prova. No manifesto, a cúpula petista estranha o fato de a denúncia contra o PT ter sido julgada antes do mensalão tucano, com origem em Minas Gerais. O partido vai além e diz esperar que o PSDB tenha o tratamento que o PT não teve por parte do Supremo. O texto foi escrito pelo presidente do PT, deputado Rui Falcão, e deveria ter sido divulgado no dia 1.º deste mês, em reunião da Executiva Nacional. A pedido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, porém, o... Leia mais

Governo testa internet pela rede elétrica

Quarta-feira 14, novembro 2012

  O governo brasileiro está testando a oferta de conexão de internet por meio da rede elétrica em cerca de 70 milhões de medidores de energia no país, instalados em residências e pontos comerciais. Segundo o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, o objetivo é usar essa tecnologia para atingir as metas de universalização da internet no Brasil, que este ano vai chegar a 50% dos domicílios. As informações são do Valor Econômico “Foi um salto em relação ao total de 2011, quando chegou a 38% das residências, mas ainda é muito baixo, precisamos aumentar [esse índice] de forma acelerada”, disse Bernardo ontem, durante o “1º Fórum Novo Brasil – Desvendando a nova classe média”, organizado em São Paulo pela consultoria Data Popular. Segundo ele, até a metade de 2013 será lançado o Plano de Universalização da Internet. A meta é chegar a 2014 com 70% dos domicílios conectados. De acordo com o ministro, o governo tem um... Leia mais

Governo quer facilitar entrada de imigrante qualificado no País

Segunda-feira 12, novembro 2012

  O governo federal quer facilitar o acesso de trabalhadores estrangeiros qualificados ao Brasil. Profissionais de setores estratégicos, como engenheiros da área petroquímica e técnicos de inovação tecnológica, terão sua entrada desburocratizada, com menor exigência de documentos e estímulos para permanência prolongada no País. Uma força-tarefa envolvendo quatro ministérios foi montada em Brasília, coordenada pela Secretaria de Assuntos Estratégicos (SAE), para trabalhar na formulação de uma nova política migratória. O Estatuto do Estrangeiro é considerado anacrônico pelo governo. Ele está em vigor desde 1981. O Estado apurou que as medidas em estudo vão integrar um programa que já tem nome: “Brasil de Braços Abertos”. O objetivo da presidente Dilma Rousseff é aumentar o número de trabalhadores estrangeiros com qualificação no Brasil, de forma a aumentar a competitividade da economia. Atualmente, os estrangeiros no mercado de trabalho... Leia mais

PSOL recua de punições a alianças no 2º turno

Quarta-feira 7, novembro 2012

  A Executiva do PSOL não deve aprovar grandes punições aos diretórios de Belém (PA) e Macapá (AP) por conta das alianças que fizeram no segundo turno das eleições deste ano. No máximo, seus integrantes receberão críticas quanto à forma, e não ao conteúdo, desses acordos. Em Belém, o candidato da legenda Edmílson Rodrigues, derrotado, aceitou o apoio do PT. Já em Macapá, o candidato vitorioso Clécio Luís aceitou apoio do DEM. Revoltados, setores do partido chegaram a defender a expulsão deles por contrariar orientação do partido de julho ao proibir alianças com PSDB, DEM, PMDB, PR, PTB, PSD, PRB e PP. Os principais focos de insatisfação vieram da ex-deputada federal Luciana Genro (RS), da ex-senadora Heloísa Helena (AL), do ex-deputado federal João Batista Oliveira de Araújo, o Babá (RJ), e do vereador João Alfredo, de Fortaleza. A tendência, porém, é de que nada aconteça com eles. “O pessoal é muito rígido e não dá para ser assim, se... Leia mais

Governo federal pode lançar mais linhas de crédito para pesquisa

Quarta-feira 7, novembro 2012

  O governo federal estuda uma série de novas linhas de financiamento à inovação, voltadas para setores mais carentes em investimento em pesquisa e desenvolvimento. O formato dos novos programas pode ser similar ao do Inova Petro, linha elaborada por meio de parceria entre Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e Petrobras, para a cadeia de petróleo e gás, detalhou ontem o presidente do banco, Luciano Coutinho. Em palestra no Rio durante seminário sobre inovação, o executivo chegou a citar alguns setores que poderiam ser contemplados, como saúde, aeroespacial, tecnologia da informação e telecomunicações. Atualmente, o BNDES trabalha na elaboração do modelo dessas futuras linhas, em parceria com a Finep, Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) e Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. “Estamos trabalhando, a pedido do Ministério da Ciência e Tecnologia e da Casa... Leia mais

Após somar mais de 100 mortes, governador do PSDB cria agência integrada

Quarta-feira 7, novembro 2012

  Diante da onda de criminalidade que assola o estado, Geraldo Alckmin e o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, fecham parceria na tentativa de melhorar a segurança pública. Estudo revela que a unidade da Federação teve R$ 12,2 bilhões destinados em 2011 ao setor Em meio à onda de violência que tomou o estado de São Paulo nas últimas semanas, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou ontem, com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, a criação de uma agência de atuação integrada para combater as organizações criminosas do estado. A tentativa de solução chegou após mais uma madrugada marcada pelos crimes: oito pessoas foram assassinadas, entre elas um adolescente de 13 anos, na Vila Brasilândia, Zona Norte da capital. Somente este ano, 90 policiais militares foram mortos na capital paulista. Dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, divulgado ontem, mostram que, mesmo com toda a criminalidade, o estado de São Paulo foi o que mais... Leia mais

Curtas

Quinta-feira 1, novembro 2012

  Polícia paulista investiga lista de oficiais marcados para morrer As polícias Civil e Militar de São Paulo confirmaram ontem a apreensão de uma lista com ao menos 40 nomes de policiais que estariam marcados para morrer. O material foi encontrado, na última terça-feira, junto de um balanço da movimentação financeira do tráfico de drogas na Favela Paraisópolis, no bairro do Morumbi, Zona Oeste da capital paulista. Ontem, subiu para 13 o número de suspeitos presos na comunidade. Só neste ano, 86 policiais foram assassinados na Grande São Paulo. Saúde fecha parceria de tecnologia em medicamentos O Ministério da Saúde assinou ontem parcerias com laboratórios estrangeiros prevendo a transferência de tecnologia para a fabricação de 21 medicamentos e vacinas dentro de um prazo de cinco anos. Em contrapartida, o governo garante a esses laboratórios exclusividade na compra desses produtos. Entre os medicamentos, estão drogas utilizadas no combate à Aids e o Fator... Leia mais

Operação tenta desarticular quadrilha do superprecatório

Quinta-feira 1, novembro 2012

  Dinheiro de ação de R$ 3 bi que deveria ser destinado a professores de Rondônia é desviado A Polícia Federal deflagrou ontem a Operação Pretório para desarticular organização criminosa envolvida com o maior precatório do País, no valor de R$ 3 bilhões, expedido pelo Tribunal Regional do Trabalho da 14.ª Região (TRT14), em Rondônia. Cerca de 200 policiais federais cumpriram 64 mandados de busca e apreensão em Porto Velho, no Distrito Federal e nos Estados do Mato Grosso, Amazonas, São Paulo e Paraíba. O superprecatório foi suspenso em junho pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Na ocasião foram afastados de suas funções o corregedor do TRF14, Vulmar de Araújo Coelho Júnior, e o juiz que presidia o processo do precatório bilionário, Domingos Sávio Gomes dos Santos. Alertada pela Justiça do Trabalho, a PF descobriu que pelo menos R$ 5 milhões do precatório gigante foram sacados por um grupo supostamente liderado pela advogada Elisiane Lisieux... Leia mais

Quadrilha criou igreja em São Paulo para sonegar impostos e lavar dinheiro

Quinta-feira 1, novembro 2012

  Alvo da Operação Lava-Rápido, da PF, grupo recorria a servidores para dar sumiço em documentos da Secretaria da Fazenda estadual A Polícia Federal deflagrou ontem em São Paulo a Operação Lava-Rápido para desarticular organização criminosa especializada em crimes contra o sistema financeiro nacional, lavagem de dinheiro, sonegação fiscal e subtração de procedimentos fiscais da Secretaria da Fazenda estadual. Segundo a PF, o inquérito teve início em março passado após a constatação de que “uma pequena igreja” havia movimentado em suas contas quase R$ 400 milhões em operações financeiras. A igreja usada para a fraude só existia no papel, ou seja, tinha registros nos cadastros do Fisco apenas para acobertar as atividades ilícitas de empresas do grupo. Não havia templo nem fiéis. A PF cumpriu 6 mandados de prisão e 12 de busca e apreensão nas cidades de São Paulo, Atibaia e Valinhos. A operação foi desencadeada com autorização da 2.ª... Leia mais

Ministro diz que governo quer manter dólar no patamar de R$ 2

Quinta-feira 1, novembro 2012

  O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Fernando Pimentel, disse ontem que o governo está empenhado em manter o câmbio brasileiro no patamar atual, de R$ 2. Segundo ele, a medida busca fazer com que a moeda brasileira permaneça em um “estágio competitivo”. - O câmbio é flutuante, mas o Banco Central tem agido e de forma correta, usando instrumentos de mercado, portanto, não há quebra de contrato – afirmou, durante entrevista para comentar o balanço de um ano do Plano Brasil Maior. Pimentel confirmou que o governo está estudando uma proposta de reformulação do ICMS com o objetivo de acabar com a competição desleal entre os estados, mas garantiu que o setor produtivo não será prejudicado. - A consideração feita pelos empresários, de que os incentivos de alguma forma têm de ser mantidos, sob pena de esvaziamento de setores industriais e estados, vai ser levada em conta. O governo não pensa em mudança tão radical que... Leia mais

Justiça rejeita pedido para soltar banqueiro

Quinta-feira 1, novembro 2012

  Fracassou a primeira tentativa dos advogados do banqueiro Luis Octavio Índio da Costa, do Cruzeiro do Sul, de tirá-lo da prisão. Antes de arriscar um pedido de habeas-corpus no Tribunal Regional Federal (TRF-SP), seus defensores apresentaram um recurso junto à própria 2ª Vara de Justiça Criminal Federal, que decretara a prisão no dia 22 passado. O pedido de liberdade provisória foi apresentado na quinta-feira, dia 25, a um juiz de plantão daquela vara. Na peça, os advogados comandados pelo criminalista Roberto Podval defendiam a reconsideração da ordem de prisão de Índio da Costa. Já no fim de semana, Marcelo Cavali, o magistrado de plantão, rejeitara o pedido. Ontem, foi a vez de o titular do caso, o juiz Márcio Ferro Catapani, indeferir definitivamente o recurso. Índio da Costa, que ocupava o cargo de diretor-superintendente do Cruzeiro do Sul, é acusado de crimes contra o sistema financeiro e lavagem de dinheiro. E teve a prisão pedida pela Polícia... Leia mais

Polícia ocupa favela também em São Paulo

Quinta-feira 1, novembro 2012

  Ação ocorre após nova onda de violência; mortes causam troca de acusações entre estado e União A capital paulista sofre nova onda de violência, numa disputa entre polícia e bandidos que provocou a morte de 65 civis nos últimos 10 dias na Grande São Paulo. Este ano, 86 PMs foram executados. Três favelas foram ocupadas. O Ministério da Justiça acusa o governo de São Paulo de ignorar alerta sobre um possível agravamento da situação. O governo paulista nega. Diz que pediu R$ 156 milhões de apoio a Brasília e que toda ajuda é bem-vinda. Onda de mortes assusta população; 65 civis foram assassinados nos últimos dez dias violência em São Paulo  Seis anos depois dos ataques que deixaram 536 mortos, São Paulo sofre nova onda de violência. De janeiro a setembro, o número de homicídios dolosos na maior cidade dos país subiu 22,69%. Nos últimos 10 dias, 65 civis foram assassinados na Grande São Paulo. Desde o início do ano, 86 policiais militares (PMs) e... Leia mais

Prefeita de Natal é afastada do cargo

Quinta-feira 1, novembro 2012

  A pedido do Ministério Público Estadual do Rio Grande do Norte, o desembargador Amaury Moura Sobrinho, do Tribunal de Justiça do estado, afastou ontem do cargo a prefeita de Natal, Micarla de Sousa (PV), por suspeita de fraudes na gestão municipal da Saúde. Um oficial de Justiça entregou a notificação da suspensão do cargo às 15h45m, na casa da prefeita, no bairro de Candelária, onde ela se encontrava reunida com assessores. Micarla, por meio de nota, afirmou que responderá à acusação do MP e que não lhe foi dado “o amplo e legítimo direito de defesa e do contraditório”. “A prefeita avisa que exercerá, na plenitude, o direito de defesa assegurado constitucionalmente e provará que não cometeu qualquer ato que desabone a sua conduta e macule a sua honra. Todos os pontos da peça acusatória a que somente teve acesso no final da tarde de hoje (ontem), horas depois do seu afastamento, serão respondidos e devidamente esclarecidos”. O... Leia mais

Na periferia, a rotina da insegurança pública

Quinta-feira 1, novembro 2012

Em reunião, líderes comunitários relatam violência na capital paulista Escolas e comércios fechados. Suspensão de saraus e outras atividades culturais. Vários assassinatos entre a noite e a madrugada. É o retrato descrito por moradores da periferia de São Paulo desde o começo da última onda de violência na capital e Região Metropolitana, intensificada em outubro, numa reunião comunitária acompanhada pelo GLOBO anteontem à noite, no Sindicato dos Advogados, na região central da cidade. Há relatos de toques de recolher em Aricanduva, na Zona Leste; em Brasilândia, na Zona Norte; em Pirituba, na Zona Oeste; e na região do Campo Limpo, na Zona Sul. A Baixada Santista também seria foco de violência, relatam os representantes de movimentos sociais. O terror não seria uma exclusividade da maior facção criminosa de São Paulo. Os líderes comunitários descrevem ações de grupos de extermínio e milícias comandadas por policiais militares em disputa por pontos de... Leia mais

Para especialistas, estratégia do confronto do governador Alckmin não funciona

Quinta-feira 1, novembro 2012

O governo de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) erra ao negar a existência e o poder da maior organização criminosa que domina os presídios no estado e ao não fortalecer a Polícia Civil, segundo especialistas em segurança pública. Profissionais ouvidos pelo GLOBO dizem que a Secretaria de Segurança deve privilegiar investimentos em inteligência, e não no confronto, para desarticular criminosos e diminuir a violência. A diretora da organização não governamental Instituto Sou da Paz Luciana Guimarães diz que o governo estadual voltou a ter um discurso que prega uma política de linha dura e violência para combater a criminalidade. Segundo Luciana isso é ineficiente: - O risco de continuarmos com esse discurso é voltar aos patamares de violência que existia anos atrás. A violência aumentou, mas é incomparável com o que era há dez anos. Esperamos conter esse ciclo antes de voltars aos patamares de dez anos atrás – disse Luciana. polícia civil em segundo... Leia mais

Petistas batem rivais nas maiores cidades do quintal tucano

Quarta-feira 31, outubro 2012

  Os prefeitos eleitos do PT vão governar mais eleitores do que o PSDB em três Estados cujos governadores são tucanos. Em São Paulo, Minas Gerais e Goiás a maior parte do eleitorado está em cidades que serão comandadas pelo PT. É sinal de que a polarização PT x PSDB se mantém firme na política brasileira – e de que as tensões entre os dois partidos vão continuar altas. – Análise: José Roberto de Toledo Nos próximos dois anos, 274 prefeitos petistas terão que lidar diretamente com governadores tucanos. Esse contingente aumentou em 25 prefeituras em comparação a 2008. Isso significa que um terço do crescimento do PT nestas eleições aconteceu no quintal tucano, ou seja, em Estados comandados pelo PSDB. É mais uma prova de que, nas eleições municipais, governadores e presidentes influem pouco na decisão de voto. Ao contrário do que afirmou o presidenciável tucano Aécio Neves, o avanço petista não se deu apenas nos grotões. No Estado de... Leia mais

Sem desculpa para a mordomia

Terça-feira 30, outubro 2012

  Fim das eleições municipais, hora de voltar ao trabalho. Não há mais desculpas. Após várias tentativas frustradas de votar a extinção dos 14º e 15º salários por falta de quórum, os 31 titulares da Comissão de Finanças e Tributação (CFT) — colegiado que trava a abolição da vergonha histórica há quatro meses — têm mais uma chance, amanhã, de acabar com a farra. O presidente da CFT, deputado Antônio Andrade (PMDB-MG), assegurou que ligaria para todos os membros com o objetivo de mobilizar os colegas. A expectativa é de que, finalmente, a sessão ocorra e o projeto siga, depois de aprovado, para a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) da Câmara. Em razão das sucessivas manobras para evitar a extinção do privilégio, existe o risco de a matéria não ser votada em plenário neste ano. Se os deputados empurrarem a apreciação para 2013, receberão normalmente, no fim deste ano e no começo do próximo, dois salários a mais do que... Leia mais

Lindbergh cai na estrada

Terça-feira 30, outubro 2012

  Depois do carnaval, Lindbergh Farias vai botar o pé na estrada. O senador petista anunciou que o primeiro destino de sua “caravana da cidadania”, inspirada nas viagens de Lula entre 1993 e 1994, será Japeri, na Baixada Fluminense. Mas Lindbergh, declaradamente candidato à sucessão do governador Sérgio Cabral, promete visitar as 92 cidades fluminenses. Levará outros parlamentares petistas. Um deles, o deputado federal Luiz Sérgio, ex-ministro da Pesca de Dilma Rousseff, disse ontem que qualquer obstáculo da Executiva Nacional do PT à candidatura do senador será entendido como tentativa de intervenção no diretório estadual. Com a caravana, Lindbergh pretende sepultar a pretensão de Cabral de contar com o apoio do PT ao vice-governador Luiz Fernando Pezão, o candidato do PMDB em 2014. Para o senador petista, a força dos peemedebistas no estado já não é a mesma depois das eleições municipais. Ele disse que o partido de Cabral encolheu de 35... Leia mais

Isso é PSDB governando há 20 anos:Casos de homicídios dolosos em SP sobem 96% em setembro

Quinta-feira 25, outubro 2012

  número de casos de homicídios dolosos, aqueles com intenção de matar, praticamente dobrou em setembro na cidade de São Paulo em relação ao mesmo mês do ano passado. Em setembro deste ano ocorreram 135 casos, com 144 mortos, contra 69 casos e 71 mortes no mesmo mês de 2011 –altas de 96% e 102,8%, respectivamente. O mês de setembro registra o maior número de casos deste tipo de crime desde janeiro de 2010, quando as estatísticas passaram a ser divulgadas mensalmente pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo. Em relação a agosto (106 casos e 114 mortos), os aumentos foram de 27% e 26%, respectivamente. Os casos de homicídios dolosos também subiram no Estado. De janeiro a setembro, houve 3.329 casos contra 3.069 no mesmo período do ano passado, alta de 8,47%. No mês passado, ocorreram 404 casos homicídios dolosos, com 427 mortes. Em agosto, foram 392 casos e 418 mortes. LATROCÍNIOS O número de latrocínios, (roubos seguidos de morte)... Leia mais

Pavor aristocrático na reta final

Quinta-feira 25, outubro 2012

  A iminência de uma derrota histórica  na cidade que consideravam sua reserva de mercado têm levado alguns observadores a fazer um trabalho vergonhoso em defesa da candidatura de José Serra à prefeitura de São Paulo. Em vez de defender  José Serra, o que seria natural na reta final da eleição, eles procuram levantar o fantasma da ameaça de um avanço da hegemonia do PT no país inteiro. Enquanto acreditavam que seu candidato era favorito,  diziam que a polarização política era ótima, que o conflito ideológico ajudava a formar a consciência do eleitor. Mas agora, diante de pesquisas eleitorais constrangedoras, querem mudar o jogo de qualquer maneira. É um comportamento arriscado e pode ser contraproducente. Do ponto de vista democrático, o PT só chegou ao poder de Estado, em qualquer instância,  pelo voto direto. Bem ou mal, é o único dos grandes partidos brasileiros  – já existentes na época — que pode exibir essa condição. Claro que  você... Leia mais

Retrospectiva Governo Lula

Arquivos

Amigos & Amigos