‘Se não tomar cuidado, PSDB será varrido do mapa’, diz tucano

Sexta-feira 6, maio 2011

  O vereador Floriano Pesaro, líder da bancada do PSDB na Câmara Municipal de São Paulo, demonstra preocupação com a instabilidade da legenda na capital paulista. Para o tucano, o partido pode ser “varrido do mapa” se não repensar a atuação da militância e “abrir o partido” para um debate político e ideológico. Pesaro diz ainda que o principal adversário, o PT, está “feliz da vida” com a crise da oposição. “É talvez uma das maiores crises da história recente do partido. E não é uma crise só em São Paulo, é uma crise nacional, uma crise municipal, uma crise que está em outros Estados. Conversando com partidários do Mato Grosso do Sul, me contaram que o PSDB acabou (no Estado), não existe mais. Marisa Serrano está saindo do Senado e indo para o Tribunal de Contas. O suplente já é ligado ao PMDB do (governador) André Pucinelli. O PSDB, se não tomar cuidado, vai ser varrido do mapa, e o nosso... Leia mais

Vereador faz homenagem a Bin Laden na câmara

Quinta-feira 5, maio 2011

  A Câmara Municipal de Anápolis (50 km de Goiânia) fez um minuto de silêncio na última segunda-feira (2) pela morte do líder terrorista Osama Bin Laden, no Paquistão. O pedido partiu do vereador Valmir Jacinto (PP), que resolveu aproveitar a homenagem que a casa fazia a um empresário  e a um radialista da região. “Durante esse recesso parlamentar que nós tivemos, algumas fatalidades aconteceram. Dentro delas, quero solicitar de Vossa Excelência um minuto de silêncio em homenagem ao senhor Deocleciano, ao Marcelinho, ou melhor, ao Celinho, da Rádio São Francisco, e ao nosso companheiro Bin Laden, que também morreu”, afirmou o vereador na tribuna. O pedido foi aceito pelo presidente da Câmara de Anápolis, Amilton Batista (PTB), que emendou: “Agradeço de público vosso entendimento da situação”. A homenagem gerou polêmica depois de alguns vereadores da casa comentarem o caso no Twitter.Jacinto disse que a declaração foi... Leia mais

Políticos do DEM e PSDB usam doações para compra de votos

Quinta-feira 5, maio 2011

Reportagem do programa “Manhã Bandeirantes”, da Rádio Bandeirantes, denunciou o envolvimento de vereadores do DEM e do PSDB na distribuição de roupas, calçados, água e brinquedos doados para as vítimas das enchentes do Rio de Janeiro. Entidades assistenciais ficam com os donativos que são distruibuidos nas bases eleitorais dos politicos demostucanos já pensando na próxima eleição. Segundo a reportagem, essas entidades são ligadas aos vereadores e atuam em suas campanhas eleitoral. O esquema conta com ajuda da  Defesa Civil da cidade, chefiada pelo coronel Jair Paca de Lima, candidato a vereador em 2008 pelo PSDB. Uma funcionária, que se identificou como Gisele, disse à rádio que os donativos –estocados em um galpão na zona norte– só eram entregues a instituições indicadas pelos vereadores. Ela citou apenas Ushitaro Kamia (DEM), que negou sua participação. “Não interferi em nenhum momento para distribuir os... Leia mais

Crise da sigla expõe solidão de Serra

Quinta-feira 5, maio 2011

Crise da sigla expõe solidão de Serra

A crise que enfraqueceu o PSDB paulista expôs o processo de isolamento político a que vem sendo submetido o ex-governador José Serra. Até a eleição de 2010, era ele quem concentrava o maior cacife de poder do tucanato no Estado. Desde a vitória da petista Dilma Rousseff, porém, Serra vem perdendo espaço na sigla. Foi assim na briga interna do DEM, em que seus aliados perderam o controle do partido, hoje nas mãos de articuladores mais próximos do senador Aécio Neves (PSDB-MG). O segundo golpe veio em seguida, quando seu maior parceiro em São Paulo, o prefeito da capital, Gilberto Kassab, dá sinais de que pode deixar o campo de oposição ao Planalto e levar o PSD para perto de Dilma e dos petistas. Um tucano que acompanhou de perto a crise paulista diz que Serra tem consciência de que o novo partido de Kassab, o PSD, reduz a força da oposição. Nos bastidores, porém, integrantes tucanos de grupos adversários a Serra acusam o ex-governador de não ter... Leia mais

Resorts usam shows para atrair classe C

Terça-feira 26, abril 2011

Depois dos passeios de cruzeiro e da primeira viagem internacional, a classe C passou a frequentar também resorts de luxo espalhados pelo litoral brasileiro. Com direito a trilha sonora.Shows de pagode, sertanejo e axé estão atraindo a nova classe média para os empreendimentos, concebidos para a classe A. “É uma estratégia para atrair a classe C, motivada por produtos diferentes daqueles de turistas internacionais para os quais os resorts foram desenvolvidos”, disse o presidente da Adit Brasil (Associação para o Desenvolvimento Imobiliário e Turístico do Brasil), Luiz Lessa. Segundo o presidente da Resorts Brasil (associação do setor), Rubens Régis, os eventos atraem pessoas das classes C e B, mas não expulsam hóspedes classe A. “É muito democrático. A gente faz em dez vezes e percebe que mesmo os fãs com origem mais humilde vêm”, diz ele, que é também diretor do resort Costão do Santinho, em Florianópolis. No resort,... Leia mais

BB quer conquistar 400 mil clientes nos EUA com compra de banco

Terça-feira 26, abril 2011

BB quer conquistar 400 mil clientes nos EUA com compra de banco

O Banco do Brasil espera ter pelo menos 400 mil clientes até 2015 nos Estados Unidos, país onde anunciou na segunda-feira a compra do Eurobank por 6 milhões de dólares. O público alvo é a comunidade de brasileiros e de hispânicos nos EUA. O plano do BB é ampliar as 3 agências sediadas na Flórida, para 20 unidades até 2015, se espalhando para as cidades de Orlando, Nova York, Boston e Massachusetts. Não está descartada novas aquisições. Numa primeira fase o banco vai investir 25 milhões de dólares, valor que deve dobrar a partir do terceiro ano. Os investimentos começam logo que o BB obtiver autorização das autoridades regulatórias do país, o que deve acontecer nos próximos meses. Atuando principalmente na área de empréstimos para imóveis comerciais e pequenos empresários da comunidade portuguesa, o Eurobank tem hoje cerca de 1,3 mil clientes e 102 milhões de dólares em... Leia mais

Ministro Paulo Bernardo e o ‘susto’ no elevador

Terça-feira 26, abril 2011

Ministro Paulo Bernardo e o ‘susto’ no elevador

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, ficou preso por alguns minutos em um dos elevadores do Palácio do Planalto nesta segunda-feira (25) Paulo Bernardo narrou o “susto” em sua página no Twitter. O problema com o elevador, causado por uma oscilação na corrente elétrica, foi confirmado pela assessoria de imprensa do Planalto. O ministro se dirigia a uma reunião com o colega Gilberto Carvalho, da Secretaria-Geral da Presidência, quando ficou preso. – “Preso no elevador do Planalto. Vou chegar atrasado para a conversa com Gilberto... Leia mais

Gabeira não se vê com chances de disputar a prefeitura do Rio

Terça-feira 26, abril 2011

Gabeira não se vê com chances de disputar a prefeitura do Rio

Fernando Gabeira (PV/RJ) foi perguntado se será candidato em 2012 a prefeito do Rio. Ele descarta, com pessimismo. Disse que a oposição no Rio está em extinção, e que seu partido, através do deputado Sirkis (PV/RJ), está flertando com o prefeito Eduardo Paes (PMDB/RJ), que tentará a reeleição. A questão é que ele saiu menor do que entrou na última eleição, ao fazer uma campanha que parecia um “triângulo amoroso”, recebendo o apoio da candidata a presidente Marina Silva (PV), e apoiando o candidato José Serra (PSDB). Nas eleições municipais de 2008, Gabeira chegou ao 2º turno e perdeu para Eduardo Paes (PMDB/RJ) numa eleição apertada: 1,696 milhão X 1,641 milhão de votos. Em 2010, candidatou-se a governador, com apoio de dois candidatos a presidência: José Serra (PSDB) e Marina Silva (PV), e mesmo assim, seus votos minguaram. Mesmo disputando o eleitorado de todo o estado (mais do dobro da capital), ele perdeu no primeiro turno para Sérgio... Leia mais

Tucano histórico de SP briga com Alckmin e sai do PSDB

Terça-feira 26, abril 2011

Tucano histórico de SP briga com Alckmin e sai do PSDB

Walter Feldman, fundador do PSDB e considerado serrista, se desligou do partido atirando contra o governador Geraldo Alckmin (PSDB/SP), aprofundando a crise tucana. Atual secretário municipal de Esporte e Lazer do governo Kassab, disse que acompanha a bancada de 6 vereadores ex-tucanos que saíram do partido após serem atropelados na controle do diretório municipal pelo grupo de Alckmin. As desavenças começaram em 2008, quando Feldman foi contra a candidatura de Alckmin a prefeito, e engajou-se na campanha de Kassab que acabou reeleito. Leia mais

Na fila, PPS aguarda a vez para ser “extirpado da política”

Segunda-feira 25, abril 2011

Apesar de estar passando por um processo de depuração em seus diretórios regionais com número elevado de expulsões, o PPS não admite perder políticos com mandato para o PSD. Três deputados federais do partido compareceram ao ato de formalização da legenda liderada pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, em Brasília, na semana passada. A direção nacional do PPS já protocolou no Supremo Tribunal Federal (STF) uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) questionando dispositivo que flexibiliza a fidelidade partidária para políticos que participem da fundação de nova legenda. O presidente do PPS, deputado federal Roberto Freire (SP), avisa agora que vai requerer o mandato de qualquer parlamentar que tente migrar para o PSD, mesmo antes do STF se manifestar. “Se entrar algum pedido de desfiliação do partido antes do julgamento da nossa ação no STF, vamos entrar no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) requerendo os mandatos”, afirmou... Leia mais

Retrospectiva Governo Lula

Arquivos

Amigos & Amigos